Pages Menu
RssFacebook

Categories Menu

Maciço Vinson

 

O nome Vinson é uma homenagem ao congressista americano Carl G. Vinson devido ao fato deste ter persuadido o governo dos Estados Unidos a promover uma expedição ao continente antártico.
A primeira ascensão do Vinson foi realizada, em 1966, pela expedição americana liderada por Nicholas B. Clinch e patrocinada pela National Geographic Society, National Science Foundation e American Alpine Club.

O ponto de partida para a ascensão do Vinson é a cidade de Punta Arenas no Chile, considerada uma das cidades mais austrais do planeta. De Punta Arenas, partimos ao Union Glacier em um voo à bordo do Ilusion, antiga aeronave Russa, construída especialmente para a guerra e para suportar condições extremas de frio. O Union Glacier é um gigantesco acampamento que recebe turistas de todos os tipos, desde senhores que vão voando ao Polo Sul, até grandes aventureiros em busca de montanhas inóspitas e virgens.

Para os montanhistas que vão ao Monte Vinson, de Union Glacier chegarão ao Campo Base do Vinson em mais uma hora de voo, á bordo agora de um pequeno Otter Canadense, com capacidade para 15 pessoas. No campo base contamos com excelente estrutura e de lá começa a ascensão ao cume, que se não tiver contratempos climáticos, tarda 5 dias. Porém os dias extras são de grande importância, já que no continente Antártico, clima adverso é a principal dificuldade e certamente o que atrai todos esses montanhistas.

A Grade 6 é pioneira nessa área e vem desenvolvendo atividades ligadas ao montanhismo desde 1994.


Preço:  sob consulta
(Grupo mínimo de 4 participantes)

Classificação do Roteiro

Dificuldade técnica: Pouca
Intensidade: Pesada
Altitude: Média

Entenda o índice classificatório

Resumo

Itinerário

Equipamentos